28.1.09

Informação: Romance Vegan tratado em um livro

Texto adaptado da fonte: http://www.jornalagora.com.br:80/site/index.php?caderno=48¬icia=61198

Humana Festa - Autora do livro: Regina Rheda

O novo e quinto livro em português da escritora paulista Regina Rheda, que mora atualmente nos EUA, trata de temas absolutamente atuais: direitos animais e veganismo.

De forma leve e divertida, "Humana Festa" narra o romance entre a americana Megan, uma defensora dessas filosofias, e o brasileiro Diogo, filho de um poderoso fazendeiro. Da Flórida, passando por Massachusetts, a uma grande propriedade rural no Brasil, o enredo trança os destinos e os conflitos entre duas pessoas com experiências de vida tão diferentes na busca por um ideal comum.

No curso de estudos ambientais em uma universidade dos EUA, o jovem Diogo, herdeiro de quatro fazendas de criação de animais, conhece a namorada, adepta da filosofia Vegan, que tem por regra o não-consumo de qualquer produto de origem animal ou que inclua em sua fabricação qualquer forma possível de crueldade ou exploração animal em seus ingredientes. Apaixonado pela moça, ele se esforça para se tornar vegetariano e enxergar os animais de modo mais humano, apesar de sua criação.

Para conquistar de vez a amada, ele ainda deve enfrentar outros obstáculos: a relação com a sogra, uma Vegan, ativista e feminista convicta, casada com o falso vegetariano Bob, e as constantes comparações com o ex-namorado de Megan, River, Vegan e ativista como ela. Além dos preconceitos de sua própria família, Bezerra Leitão estranha a nova ideologia de Diogo, um ex-carnívoro inveterado.

Na primeira visita à fazenda do rapaz, os conflitos e atropelos se instalam, desde as discussões entre Diogo e os parentes em torno de sua nova dieta alimentar, ao motim entre as empregadas provocado pela escolha de uma delas, Dona Orquídea, para cozinhar uma comida especial para o casal e ganhar o dobro do salário.

Mas o futuro das propriedades que serão herdadas por Diogo é a causa do maior dilema entre os personagens: enquanto o patriarca dos Bezerra Leitão investe cada vez mais na criação intensiva, que inclui o uso de agrotóxico e antibióticos fortíssimos para os animais crescerem mais rápido, Diogo e Megan planejam transformar a área em uma combinação de agrofloresta e santuário.

Como seguir a tradição da família, manter o lucro e viabilizar o projeto sem bater de frente com seus ideais ecológicos?

Sem didatismo e num tom divertido, a autora, adepta do veganismo desde 2000, apresenta um outro ponto de vista e outra maneira de viver, em uma história bem-contada e repleta de bom humor, em que hábitos milenares da humanidade são criticados e ironizados.

Premiada com o Jabuti ao estrear na literatura, a ficcionista Regina Rheda tem, em português, cinco livros publicados e três participações em antologias de contos. Dois de seus livros e algumas histórias soltas estão publicados também em inglês, em um volume da University of Texas Press. Seus trabalhos têm sido estudados em cursos de literatura brasileira de várias universidades norte-americanas. A autora vive entre o Brasil e os Estados Unidos.

"Humana Festa" é uma publicação da Editora Record, 352 páginas, R$ 46, à venda nas livrarias do país.